Skip to content

Não ignorando os seus ardis 12/30

Leitura: 2 Cor 10:3-6

III. As Barreiras Que Satanás Usa para Impedir a Obediência do Crente

A. VESTE O MUNDO COM ROUPA GLORIOSA PARA ATRAIR O CRENTE

1. A TENTAÇÃO

Assim como na tentação de Cristo, Satanás faz com o crente (Mat. 4:8,9). Ele nos mostra tudo o que o mundo pode oferecer e a sua glória em troca de pouca adoração a ele e não a Deus. Satanás, como Judas, nos tenta com os beijos do mundo, para nos trair depois (Mat. 26:47-49). Como Sísera atraiu Jael, com segurança, conforto, suprimento das necessidades e descanso, para depois cravar uma estaca em sua cabeça até a fonte para sua própria destruição (Juízes 4:18-21) assim faz Satanás aos crentes atraindo os com toda e qualquer aparência para depois comprometer o seu testemunho, secar o seu entusiasmo e acomodar o seu zelo somente com aparências até a destruição total de qualquer aproveitamento no serviço a Deus.

2. AS SOLUÇÕES

a. Riquezas não fornecem qualquer paz interior

  • Juízes 1:5-7. Não menos de que 71 reis com os dedos polegares das mão e dos pés cortados apanhavam as migalhas debaixo da mesa de outro rei. Se riqueza fornecesse paz interior estes não estariam nessa condição.
  • Por que, então, deve deixar o que não pode ti dar felicidade contínua aqui na terra tirar de ti as suas coroas gloriosas com quais adorará o Seu Salvador para sempre no céu?
  • A paz interior é fruto do Espírito Santo para aqueles que tenham Deus em primeiro lugar no seu coração (Gal 5:22; Fil. 4:6-9).

b. Os bens materiais são impotentes e vãos

  • Ecl 1:1-18, v 2, “Vaidade de vaidade! Tudo é vaidade.” Riqueza, sabedoria, conhecimento, prazeres, casas, animais, jardins, viagens, experiências e posição….tudo é vaidade. “De tudo que se tem ouvido o fim é: Teme a Deus, e guarda os seus mandamentos.” Se o homem mais rico e sábio do mundo chegou à essa conclusão, quem é você para pensar diferente?
  • Se você acha o mundo vão, porque ainda o ama? “Buscai as coisas que são de cima, onde Cristo está assentado à destra de Deus.” Col 3:1-4, 14-17.

c. A Felicidade não vem de bens materiais ou experiências terrestres

  • Os anjos têm toda a felicidade e bênçãos que podemos imaginar mas não possuem ouro e nem qualquer posse de terra ou bem da terra.
  • Cristo, em uma manjedoura, sem casa ou lugar para descasar a sua cabeça, morto numa cruz ainda assim era feliz além da nossa imaginação. Pôde até mesmo perdoar aqueles que estavam O cravando na cruz. (Lu 23:34; Estêvão – Atos 7:60)
  • Não devemos amar na vida aquele que não traz conforto no leito da morte. São amigos, honras e riquezas que trazem conforto na morte? Ou é a fé no sangue de Cristo, o testemunho do Seu Espírito e as promessas de Deus pela Sua Palavra?
  • Ecl 5:10, “Quem amar o dinheiro jamais dele se fartará; e quem amar a abundância nunca se fartará da renda; também isto é vaidade.” · Mat. 6;19,20, o lugar de ajuntar tesouros está onde “nem a traça nem a ferrugem consomem, e onde os ladroes não minam nem roubam.”
  • Um homem pode ter o suficiente para se encher mas nunca o suficiente para se satisfazer.

PARA FELICIDADE VERDADEIRA: DESEJE O QUE CRISTO DESEJOU E SE SATISFEZ: OBEDIÊNCIA PARA A GLÓRIA DE DEUS (João 17:4,5)

Published inNão ignorando os seus ardisVida cristã