Skip to content

Pergunta 74 – Como o Batismo e a Ceia do Senhor se tornam úteis espiritualmente?

74. Pergunta. Como o Batismo e a Ceia do Senhor se tornam úteis espiritualmente?

Resposta. O Batismo e a Ceia do Senhor se tornam úteis espiritualmente, não por causa de nenhuma virtude em si mesmos, nem em quem os administra (1), mas só pela bênção de Cristo (2) e obra do Espírito naqueles que os recebem pela fé (3).

O Batismo é uma responsabilidade – As Conseqüências do Batismo

As Responsabilidades de membro

Atos 2.40-42, “perseveravam na doutrina dos apóstolos, e na comunhão, e no partir do pão, e nas orações.”

EM CADA PRIVILÉGIO HÁ UMA RESPONSABILIDADE

Perseverar: ser diligente constantemente, ser zeloso (# 4342, Strong’s); conservar-se firme e constante, persistir (Dicionário Aurélio Eletrônico – Século XXI ver. 3.0, nov 1999)

A palavra grega (# 4342) que é traduzida “perseverar” em Atos 2.42 é usada em outras instâncias no Novo Testamento e traduzida por outras palavras em português que expressam bem o significado original em grego: Mc 3.9, “sempre pronto”; At 8.13, “ficou de contínuo”; At 10.7, “ao seu serviço”; Romanos 13.6, “atendendo sempre”

1. Perseverar na doutrina (# 1322, instrução, ensinamento)

At 8.4, pregar a Palavra

Jo 15.2-8, dar fruto (obediência à Palavra)

Ef 5.8, andar na luz (testemunhar diante do mundo)

II Tm 2.1-15, conhecimento particular

Jd 3, “batalhar pela fé”

2. Perseverar na comunhão (#2842, Strong’s – cooperação, Fl 1.5; coleta, Rm. 15.26; “mútua cooperação” ou “comunicação”, Hb. 13.16).

Hb 10.24,25, os cultos públicos

Jo 13.34,35, amar uns aos outros (é o ágape, amor: dar valor a quem não tem).

Ef 4.22-32, edificar os outros na fé (Rm 14.19; I Co 14.12)

II Co 9.5-9, use o que Deus te deu em toda a boa obra da igreja (II Co. 8.12, “o que qualquer tem”)

3. Perseverar no partir do pão – “partir o pão” – #2800, #2806 – pode ser uma refeição (Mt 14.19;15.36; Mc 8.6,14; At 2.46; 27.35; 28.7,11?; Lucas 24.30) ou ceia do Senhor (Mt 26.26; Mc 14.22; At 2.42; I Co. 10.16; 11.24)

I Co 11.17-34 a ordenança da ceia

I Co 5.9-13 responsabilidade

A ceia foi instituída e observada no Novo Testamento somente com os membros (Mt 26.20-30; Mc 14.17-26; Luc. 22.17-23; Jo 13.18-20) e apenas os membros em boa comunhão com a igreja (Jo 13.30; I Co. 5.11-13). A primeira páscoa (Êx. 12.1-28, só com os da família).

4. Perseverar nas orações (#4335, oração em adoração)

Mateus 26.41; I Tess 5.17 na vida particular

At 12.5; Tiago 5.13-15 com os irmãos da igreja

Versículo para Memorizar: I Coríntios 3.7, “Por isso, nem o que planta é alguma coisa, nem o que rega, mas Deus, que dá o crescimento.”

74.1. O Batismo e a Ceia do Senhor se tornam úteis espiritualmente, não por causa de nenhuma virtude em si mesmos, nem em quem os administra (1), mas só pela bênção de Cristo (2) e obra do Espírito naqueles que os recebem pela fé (3).

Ordenança Não é Salvação

Hb 10.1-7, “Porque tendo a lei a sombra dos bens futuros, e não a imagem exata das coisas, nunca, pelos mesmos sacrifícios que continuamente se oferecem cada ano, pode aperfeiçoar os que a eles se chegam. 2 Doutra maneira, teriam deixado de se oferecer, porque, purificados uma vez os ministrantes, nunca mais teriam consciência de pecado. 3 Nesses sacrifícios, porém, cada ano se faz comemoração dos pecados, 4 Porque é impossível que o sangue dos touros e dos bodes tire os pecados. 5 Por isso, entrando no mundo, diz: Sacrifício e oferta não quiseste, Mas corpo me preparaste; 6 Holocaustos e oblações pelo pecado não te agradaram. 7 Então disse: Eis aqui venho (No princípio do livro está escrito de mim), Para fazer, ó Deus, a tua vontade”. A Ceia não é um sacrifício real (atual)

1. Transubstanciação é invenção romana

a) Transubstanciação “só foi feita uma doutrina firme para a Igreja Romana em 1215 d.C.” (Doutrina Católica na Bíblia, p.31.)

b) “na missa, no momento em que o sacerdote pronuncia as palavras de consagração do pão e do vinho, estes mudam no sagrado corpo e sangue de Cristo.” Vincent Hornyold (por T.P. SIMMONS, p.467,468)

2. Cristo fala palavras que “são espírito e vida.” Jo 6.63

Os Católicos levam isto literalmente. Mas é para ser entendido espiritualmente. (v. 63, “a carne para nada aproveita;)

Se já tem Cristo como Salvador pessoal pela fé, já, espiritualmente, comeu da Sua carne, e bebeu do Seu sangue.

Mt 26.28, “É Meu sangue, o sangue do novo testamento, que é derramado por muitos, para remissão dos pecados.” Aqui, Cristo era presente literalmente quando falou estas palavras. Como então o pão pode ser ele? Ou o suco Seu sangue?

Jo 6.47,53-58 Se ainda não entrou em Cristo pela fé, ainda está sem Cristo, sem vida eterna. Para ter vida eterna é necessário crer em Cristo! Isto é comer da Sua carne e beber do Seu sangue. v. 63

I Coríntios 3.7, “Por isso, nem o que planta é alguma coisa, nem o que rega, mas Deus, que dá o crescimento.” I Pedro 3.21, “Que também, como uma verdadeira figura, agora vos salva, o batismo, não do despojamento da imundícia da carne, mas da indagação de uma boa consciência para com Deus, pela ressurreição de Jesus Cristo.”

Não é uma repetição do sacrifício de Cristo.

Um sacerdote qualquer não pode repetir ou acrescentar a expiação feita já uma vez por Cristo.

Hb 9.28, “oferecendo-se uma vez”; 10.9-18, v. 10, “feita uma vez”; v. 12, “oferecido para sempre um único sacrifício”; v. 14, “Uma só oblação”; v. 18, “Não há mais oblação pelo pecado.”; Ver também: Rm 6.9,10; Hb 7.27; I Pe 3.18

No Velho Testamento, os sacerdotes eram “de contínuo” “junto ao altar” é certo. Mas os sacerdotes do Novo Testamento devem pregar o “Evangelho” I Co 9.13,14; Hb 10.9, “Tira o primeiro, para estabelecer o segundo.”

“O Justo viverá da fé” Hb 10.38 (Hb 11.6; Rm 5.1)

Cristo já se ofereceu fazendo salvação por muitos. Se não está nEle, não espera Ele vir e se oferecer uma outra vez. A próxima vez que Ele vier, virá como juiz. A primeira vez, veio como Salvador. Crê já em Cristo! Entre já nEle se arrependendo dos seus pecados.

Versículo para Memorizar: Jo 6.63, “O espírito é o que vivifica, a carne para nada aproveita; as palavras que eu vos disse são espírito e vida”.

74.2. O Batismo e a Ceia do Senhor se tornam úteis espiritualmente, não por causa de nenhuma virtude em si mesmos, nem em quem os administra (1), mas só pela bênção de Cristo (2) e obra do Espírito naqueles que os recebem pela fé (3).

I Coríntios 3.6, “Eu plantei, Apolo regou; mas Deus deu o crescimento.”

Não são sacramentos

“Um sacramento é um sinal visível ou ação instituída por Cristo para dar graça” Catecismo Católico

A Graça de Deus por Cristo é sem mérito algum (imerecida)

Rm 6.23, “o dom gratuito de Deus é…”; 3.24, “sendo justificados gratuitamente pela sua graça, pela redenção que há em Cristo Jesus.”; I Tm 1.15, “Cristo…veio ao mundo, para salvar os pecadores.”

A Graça de Deus por Cristo é sem obras – Rm 11.6. “Mas se é por graça, já não é pelas obras;…”; Ef 2.8,9; II Tm 1.9; Tt 3.5,6

Versículo para Memorizar: I Coríntios 3.7, “Por isso, nem o que planta é alguma coisa, nem o que rega, mas Deus, que dá o crescimento.”

74.3. O Batismo e a Ceia do Senhor se tornam úteis espiritualmente, não por causa de nenhuma virtude em si mesmos, nem em quem os administra (1), mas só pela bênção de Cristo (2) e obra do Espírito naqueles que os recebem pela fé (3).

I Coríntios 12.13, “Pois todos nós fomos batizados em um Espírito, formando um corpo, quer judeus, quer gregos, quer servos, quer livres, e todos temos bebidos de um Espírito.”

Observando a Ceia e o Batismo lembramo-nos a morte de Cristo e a Sua ressurreição, obras de Jesus Cristo pelo pecador, no seu lugar trazendo a salvação eterna para ele. Quando o pecador remido se lembra de Cristo pelas ordenanças o Espírito Santo ministra as verdades que elas ensinam (Jo 16.13), confortando e exortando-o à santidade (I Jo 3.1-3) e à obediência zelosa (I Co 11.25, 26).

Compilado pelo Pastor Calvin Gardner
Correção gramatical: Edson Elias Basílio, 04/2008 e
Robson Alves de Lima 11/2011 Fonte: www.PalavraPrudente.com.br

Published inBíbliaCatecismo de C. H. Spurgeon

Receba nossos informativos!

Cadastre seu e-mail para receber nossas novidades:

Obrigado. Cadastro efetuado com sucesso!