Skip to content

Estudo sobre Gênesis 46

[Índice]

INTRODUÇÃO

Vamos lembrar que enquanto a família de Jacó se dirige para o Egito, as profecias feitas a Abraão estão sendo cumpridas [Gênesis 15:13-14]. A nossa tendência é enfatizar as profecias que ainda não se cumpriram e esquecer a maravilha das profecias já cumpridas.

I. INDO PARA O EGITO.

Antes de estudarmos versículo por versículo deste capítulo, vamos fazer uma pausa para perguntarmos porque Israel foi levado ao Egito no começo. Por que não permaneceram em Canaã como nação e de lá se expandiram? Vejamos algumas razões:

A. Por causa da segregação praticada no Egito, Israel poderia permanecer como um povo separado [vers. 31-34; Gênesis 43:31-34]. Em Canaã eles poderiam facilmente se casar com outros povos e perderem assim a sua identidade corporativa e espiritual. Após quatrocentos anos no Egito eles ainda eram uma nação distinta e separada.

B. No Egito o povo de Israel teria a oportunidade de crescimento populacional. A influência de José para que eles recebessem a terra de Gósen foi de grande ajuda. Esta era uma área excelente para criação de animais. Se Israel tivesse se expandido grandemente em Canaã, provavelmente haveria guerras e eles não estariam preparados para isso. (Quando Israel deixou o Egito, a população tinha aumentado para mais ou menos dois milhões de almas).

C. O êxodo de Israel do Egito foi uma grande oportunidade para mostrar o poder de Deus [Romanos 9:17; Salmo 78:43]. A glória de Deus e o bem do Seu povo são os dois principais propósitos encontrados em Suas obras.

D. Israel não saiu do Egito sem nada, antes foi enriquecido pela fartura e prosperidade de Egito [Êxodo 12:35-36]. Muito do material para construção do tabernáculo veio exatamente daqui [Êxodo 25:1-9].

E. A longanimidade de Deus restringiu o julgamento sobre os Canaanitas até que a iniqüidade deles alcançou um certo nível [Gênesis 15:16]. Como os propósitos de Deus são complexos.

II. BUSCANDO A DIREÇÃO DE DEUS.

Jacó se apressou em sua viajem para ver José. Ao chegar em Berseba, na fronteira de Canaã, ele parou para cultuar e adorar a Deus.

Há vários motivos para meditarmos a respeito disso:

A. Ao se aproximar da fronteira de Canaã Jacó começa a questionar a si mesmo. Ele estaria fazendo a coisa certa ao deixar a terra de Canaã? Ele sabia que dificilmente retornaria durante a sua vida. Ele deveria trocar a terra prometida pelo Egito? Abraão não pecou quando fez isto? Vamos aprender a buscar a orientação e liderança de Deus [Provérbios 3:6].

B. Chegando próximo a Berseba ele se lembrou que Abraão e Isaque tinham encontrado a Deus naquele lugar [Gênesis 21:33 e 26:26]. Assim como eles, ele também necessitava de liderança e segurança de Deus.

III. DEUS CONFORTA SEU FILHO – VERSÍCULOS 2-4.

Como é maravilhoso ouvir de Deus e saber que estamos sob Sua vontade. Note as palavras de Deus nesta última visão patriarcal.

A. “Não temas descer ao Egito” ! Como é maravilhoso ir para onde sabemos que Deus está nos guiando.

B. “Eu te farei ali uma grande nação”.

C. “Eu descerei contigo ao Egito”.

D. “Eu certamente te farei tornar a subir”.

E. É prometido a Jacó que ele estaria com José no momento de sua morte (por a mão sobre os seus olhos).

IV. SEGUINDO A LIDERANÇA DE DEUS – VERSÍCULOS 5-7.

Jacó podia prosseguir agora com o coração mais aliviado.

V. UM PEQUENO COMEÇO – VERSÍCULOS 8-27.

Este pequeno clã se tornou uma grande nação. Quão grandes coisas Deus pode fazer através de algo aparentemente insignificante.

VI. UMA REUNIÃO FELIZ – VERSÍCULOS 28-30.

Que cena maravilhosa. Note, entretanto, a dignidade de Jacó. Ele permitiu que José viesse até ele. Ele sabia que ser um patriarca da nação Judaica era uma posição mais importante do que qualquer outra no Egito.

VII. AS INSTRUÇÕES DE JOSÉ – VERSÍCULOS 31-34.

A. José estava mais interessado na pureza espiritual do que na grandeza material dos seus irmãos. Ele usou o fato dos Egípcios detestarem o ofício de pastor como um meio de manter sua família separada. Vamos aprender com isto a fazer sábias escolhas para as nossas famílias.

B. O Egito sempre representa este mundo. Veja aqui o quadro do que o mundo pensa a respeito do Bom Pastor.

Published inGuia de estudo para Gênesis